domingo, julho 15, 2007

Pavana para a 1ª Princesa


Uma estrela me guiava
E eu nem sabia
Que florescia por dentro.
Era outubro e uma princesa estava por vir.

Alegria primeira e única:
Tremor de estrelas no ventre,
Sonhos de gaivotas no verão
E ela crescia.

Chegaram as chuvas de julho
E sendo da água, como um coral ondulando,
Aporta no cais de amores escolhidos:
Ela, temperamento forte desde que abriu os olhos.

A leveza veio-lhe na ponta dos pés,
No movimento do corpo e das mãos,
Bailando como uma pluma,
Luz em profusão.

Como te receberei?
Trouxeste a marca da nossa ligação.
Chegas já sabendo que o meu sol nasce do teu riso.
Duas almas antigas conhecidas marcadas pelas mãos

Amiga fiel. Ritmo perfeito.
Verdadeira como ouro puro.
Contigo não há meias-palavras, nem subterfúgios,
Mas sendo da água, facilmente marejas.

Novamente vem o desejo
De ter um dom e saber dizer
O que só o amor pode expressar
E servir-te este amor em taças de luz.

Pedi a Deus que te ofertasse
Caminhos de seda por onde passear mansamente.
Que te protegesse e desse vida suave,
Como passarinho pousado no ninho.

E assim Ele te fez
Cabelos mutantes como as nuvens,
Do fundo dos teus olhos brotam flores
Noturna ingenuidade variando em todos os tons de rosa.


Sacerdotisa que orna os altares
Passeias do azul mais suave ao marinho mar
Dizes triviais coisas de profunda sabedoria
E o mundo se torna feliz e mais belo.

Mas hoje percebi o ar cheio de anjos
E sua transparência era tão bela
Que jamais imaginei desgarrar-me
Por isso prendi-me nas suas mornas asas

E a terra das estrelas impregnou-me o ser.
Cantai, pois, serafins e querubins.
Arlequins do bosque dos tempos
Hoje o dia é dela, da nossa número 1.

Inquieta, menina, traquina
Alegre, engraçada, plural
Mil, Milzinha, Mila, Milk,
Sempre, eternamente amor, Camila!


Para a nossa princesa nº 1 — Camila — que hoje completa 23 anos.Feliz aniversário, “Brahma Chopp”.

(Se eu soubesse, dançaria para ti uma pavana, como não sei, transformei-a em versos com muito amor.)
Sílvia Câmara

13 comentários:

Camila disse...

Ganhei um presente lindo de aniversário de minha mãe.....faço questão de mostrar para vcs , meus amigos.....vale a pena ler !!!
E para quem curte poesia mesmo , tem sempre novidade no blog....

Obrigada minha mãe , te amooo muitooo , hj e sempre !!! Vc é a melhor poeta do mundooo !!!


Bjos !

Camila disse...

Esse foi o melhor presente que poderia ganhar....obrigada minha mãe ....te amo muitoooo!!!
Parabéns pelo blog !!!
bjoss !!!

Camila

Tânia França disse...

Camila,
Parabéns pelo aniversário! Parabéns por essa mãepoeta tããão maravilhosa! E que você, em todos os momentos de sua vida, em qualquer adversidade, vá lá no poema, se reabasteça e go on!
Beijim, querida!
Beijim mãepoeta Sílvia!

Renato Nunes disse...

Lindo.... tal qual e tão quanto sei que é esse amor de mãe e filha...

Lary Martinez disse...

No meu aniversario quero um que nem sobre espaço pra outros poemas heinnnnn!!! hehehehe.. brincadeira.
lindo o poemaaaa, pra variar!!!
So faltou um detalhezinho: desejar juiiiiiiizo pra camila! haahah
bjossss! te amooo

Verônica Aroucha disse...

Parabéns Camila!
A Poesia lhe rende graça e a natureza lhe oferta beleza saúde e muito amor.
Tudo de luz para a mamãe linda também... Uma música para a aniversariante:

Chico Buarque - Luísa




Por ela é que eu faço bonito
Por ela é que eu faço o palhaço
Por ela é que saio do tom
E me esqueço no tempo e no espaço
Quase levito
Faço sonhos de crepon

E quando ela está nos meus braços
As tristezas parecem banais
O meu coração aos pedaços
Se remenda prum número a mais

Por ela é que o show continua
Eu faço careta e trapaça
É pra ela que faço cartaz
É por ela que espanto de casa
As sombras da rua
Faço a lua
Faço a brisa
Pra Luisa dormir em paz

José Calvino disse...

Camila,

Um mundo cheio de paz, amor, muita saúde...enfim, muitos anos de vida.
Parabéns pra você, com muita poesia
...São votos do,

Calvino

cesar disse...

Meu amor, é dificil te ler na poesia e não me emocionar. Como voce consegue dar beleza às palavras e ser tão perfeita nas colocações e comparações, que linda maneira de expor os sentimentos. É um presentão Milzinha, e voce merece, parabens por ser amiga, verdadeira e leal, cultive sempre a humildade e nunca abra mão dos seus principios. Do papi Cesito

Maria Muadié disse...

Sílvia, suas filhas são lindas. Que bonito, que bom, ver tanto amor assim.
Um grande beijo pra vocês.
Martha

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Silvia veja meu blog Cores & Palavras tem la uma surpresa para vc.
BEIJOS
Namibiano

MARIAESCREVINHADORA disse...

Esses lindos versos feitos de emoção e carinho devem ter alegrado o aniversário de sua 1ª princesa Camila, Sílvia. Parabéns para ela, que a vida de vocês seja sempre feliz.
Beijo,

Conceição

Zuila disse...

Não paro de ler a poesia da Camila. Silvinha esta poesia é demais. parabens minha linda POETA.
beijos da sua velhinha.

Adriana Liberato disse...

Silvinha, só hoje ví! Essa poesia foi...sem palavras.
Poxa, que coisa linda essa tua arte pode fazer. Além de homenagear essa linda princesa, com um toque mágico de palavras, tu encantas e desnuda a dimensão do teu amor maternal, hoje, aqui e agora, com os poderes de uma fada.
Essa ligação reluz e ofusca a nossa compreensão e sabedoria terrena.
Além do horizonte... amiga, tu destes "à luz" mais uma vez. Tenho certeza que os anjos ainda festejam esse parto.
Renasce e nasce uma luz que transforma, que deslumbra e que se aninha.
Emocionante... Como quem abre e abre mais uma fresta para que a LUZ se eternize dentro da alma e do coração.
Parabéns!!!
Por você, pelo "parto", pelo renascimento e pela família maravilhosa que se ergueu.
Mil beijos da hermana,
Adriana Liberato